Monday, July 10, 2006

z

o mundial acabou e zidane levou a bola de ouro.
é inegável a sua capacidade, brilhantismo e vontade de levar ás costas uma selecção em fim de ciclo geracional, até á final. até aí, tudo fez para ficar na História, com uma exibição esforçada e marcação de um penalty de forma virtuosa e sui-generis.
é inegável a demonstração de contradição por parte da FIFA, ao fazer, no principio do torneio, do fair-play o aspecto mais importante do jogo vir no fim atribuir o prémio a zizou, após a incompreensível agressão ao (provocador, é certo) materazzi.
eventualmente grave grave, seria se zidane em vez da cabecear materazzi, mergulhasse para o relvado, simulando uma falta (aliás, como tão bem faz ribery)!
aí, vergonha das vergonhas, nem o seu treinador (e nem os seus colegas e nem a FIFA), virgem imaculada, o aplaudiria ao sair de campo.

13 Comments:

Blogger S Guadalupe said...

é que coerência só existe quando interessa... em tudo...

5:06 AM  
Blogger S Guadalupe said...

balançozzzzzzzzzzzzz

gostei muito da festa feita à selecção portuguesa, muito original a recepção dos bombeiros!

fiquei surpreendida com a saída do pauleta, apesar de não morrer de amores pelo tipo de jogo que faz. Mas acredito que o sistema de jogo tenha de mudar e se torne ainda mais bonito

5:11 AM  
Blogger miguel p said...

adeus pauleta e obrigado.

naturalização compulsiva de liedson, já!

6:08 AM  
Blogger tiago m said...

O Zidane merece a bola de ouro quanto a mim. Foi o melhor jogador do relvado. Não consigo compreender o que lhe passou pela cabeça; o homem passa-se (e aquilo não foi uma turrinha à Figo, foi mesmo uma cabeçada).

É incrível como as coisas podem mudar num segundo; o homem tinha marcado o golo de cabeça, tinha ganho o mundial, saía como (ainda mais…) um dos melhores jogadores de todos os tempos. Assim é uma despedida também com o seu carisma (um lado negro tb faz uma lenda) mas não sai com dois títulos e com duas vezes dois golos na final (e para mim foi uma pena)

6:15 AM  
Blogger miguel p said...

'tá giro: o que tu crucificaste o joão pinto e o sá pinto, por coisas semelhantes!...
como as coisas podem ser diferentes consoante a nossa... perspectiva.

7:09 AM  
Anonymous Anonymous said...

http://www.youtube.com/watch?v=NBV52GPhNjw&mode=related&search=world%20cup%202006%20final

8:12 AM  
Blogger miguel p said...

mas atenção tb. que o materazzi é capaz de ser o maior fdp, do futebol italiano. um verdadeiro delinquente carniceiro que já arrumou o ibrahimovic, o shevshenko e o inzhaghi, entre outros.
na volta, até são contas antigas, mas pagas na pior altura.

8:46 AM  
Blogger bluerussian said...

De qualquer maneira, o ZZ é um profissional com muitíssimas provas dadas. Isso faz com q não se justifique a atitude que teve, especialmente porque isso marca o seu fim de carreira. o título q lhe deram já estava decidido antes deste jogo, e provavelmente ele até já sabia disso... Desatar à marrada a um adversário pode ter sido resultado de um passanço assoberbado, mas o zz já tem idade e experiência suficientes para se controlar. Não habia nexexidade, e ficou muito mal.

9:12 AM  
Blogger tiago m said...

eu por acaso nunca crucifiquei o JVP por coisas semelhantes. O JVP agrediu um árbitro! Muito diferente. E envia-se para o chão a tentar enganar o árbitro (a la Cristiano Ronaldo). Também diferente de agredir o seleccionador nacional pelas costas.

Eu nas célebres guerras Paulinho Santos, JVP nunca crucifiquei nenhum dos dois, acho que isso é uma dimensão com o seu quê de trágico e interessante do futebol, com o seu lugar na paixão.

Na cabeçada do Zidane não há nenhuma filha-da-putice de enganar quem quer que seja. É uma atitude estúpida, lamentável. Eu não acho que ele tenha feito bem, mas repara que ele nem discute quando o árbitro lhe dá cartão vermelho (mto diferente do JVP…).

Tudo dá ao Zidane um lugar ainda mais fascinante na galeria de grandes heróis (se ele tivesse marcado o golo de cabeça E dado a cabeçada E marcado o penalty à Panenka era um jogo absolutamente mítico e um jogador absolutamente mítico). Um pouco como a mão e a coca do Maradona, o pontapé do Cantona, etc, etc.

10:38 AM  
Anonymous zé manel da esquina said...

o zidane levou a bola de ouro
e o materazzi levou a cabeçada de ouro
terminou tuos em grande para os dois...

11:38 AM  
Blogger S Guadalupe said...

eu que também estava em manobras de diversão, pelo que o jogo estava de dinâmico... só vi a expulsão e não o "eh touro". Agora já vi o vídeo! olha se calha o rapaz ter mamas... aí a conversa seria outra.

2:28 PM  
Blogger miguel p said...

o jvp, o sá pinto e o zidane são três homens que se passaram em dado momento e partiram para a ignorância da violência (esse pormenor do "pelas costas" do seleccionador é delicioso...). ponto.
não mais nobres nem menos. todos eles tiveram as SUAS razões. não faz deles diabos nem santos. acontece.
o que está em causa é a escolha de uma referência, baseada tb. em principios de fair-play, a que a fifa tanto fez gala.

agora fala-se muito dos mergulhos, quanto a mim, demagogicamente associados em exclusivo aos portugueses, eventualmente devido a grandes especialistas, como jvp e paulo futre (que acredito tenha feito as tuas delicias, tiago, quando no final da década de oitenta, no fcp, construia vitorias com os mergulhos para o gomes converter os penaltys, lembras-te?)mas não cronaldo.

esgotar o talento de cristiano ronaldo nos supostos mergulhos e esquecer as duríssimas marcações que sofre (ex. holanda) e que nem por isso o atemorizam, num jogador que está sempre em jogo, com os olhos na baliza, é clara má-fé, ao pior estilo de tablóide inglês.

3:42 AM  
Blogger tiago m said...

eu fui já um grande fan do Cristiano Ronaldo e francamente espero voltar a ser. Mas ele tem que parar de fazer os mergulhos vergonhosos que está permanente a dar. E a passar mais a bola. E a não pentear a bola quando não tem ninguém ao pé dele. E a não correr sozinho com a bola quando está no meio da nossa área e teu um gajo desmarcado à frente dele.

Eu francamente acho que ele jogou mal neste campeonato (e não consigo perceber a discussão de como poderia ele ter sido o melhor jogador jovem).

E é muito irritante vê-lo cair para a banheira, quando ninguém lhe toca. Fica mal, e estou completamente convencido que vai demorar muito tempo a safar-se dessa fama e com isso Portugal vai tb ser prejudicado por muito tempo.

Das selecções do mundial fomos de longe a que mais simulámos. É triste (pelo menos para mim…) mas é verdade.

5:46 PM  

Post a Comment

<< Home